Walls – novo álbum de Kings Of Leon está chegando

Um pouco antes do lançamento de Walls do Kings Of Leon, Denis Vini da RockCine faz um aquecimento para quem gosta da banda e quem não conhece, confira.

Kings of Leon – Aquecimento pro Walls

O Kings of Leon vai lançar o Walls, seu sétimo disco de estúdio, no dia 14 de outubro e, assim que sair, nós vamos fazer uma crítica dele. Caso você não conheça o Kings of Leon ainda, aqui vai um pequeno descritivo da banda e um disco a disco para te situar. Vale a pena!

Kings Of Leon

KINGS OF LEON

O Kings of Leon é uma banda formada pelos irmãos Caleb, Jared e Nathan Followill e pelo primo deles, Matthew. O nome é uma homenagem ao avô deles, Leon Followill.

Durante a infância, os meninos tocavam na banda da igreja e acompanhavam seu pai, um pastor que viajava pelo sul dos Estados Unidos para pregar em várias igrejas. Por conta de uma religião rígida, os meninos não podiam escutar música secular e, apenas em 1997, quando o pai deixou a vida de pregação, que Nathan e Caleb passaram a escutar referências de rock que seriam parte essencial do DNA da banda. Quando Jared e Matthew se mudaram para Nashville, a banda foi formada.

Show de Kings Of Leon

Youth and Young Manhood (2003)

Youth and Young Manhood

Na época, foi eleito um dos melhores discos de estreia dos últimos anos. Apesar da banda ser americana, o sucesso maior foi na Inglaterra. O som mostra uma referência de rock de garagem. Uma curiosidade é que a música Red Morning Light ficou muito conhecida por ser a música intro do jogo FIFA 2004.

Vale o play: “Red Morning Light”, “Happy Alone”, “Molly’s Chambers”, “Genius”

Aha Shake Heartbreak (2004)

Aha Shake Heartbreak

Precedido pelo single “The Bucket” em outubro de 2004, o segundo álbum da banda foi lançado em novembro no Reino Unido e em fevereiro de 2005 nos Estados Unidos. O estilo country aparece bem mais nesse trabalho e um dos grandes destaques dele é o vocal de Caleb Followill, começando a ser um diferencial marcante da banda.

Vale o play: “King of the Rodeo”, “Milk”, “Day Old Blues”, “Rememo”

Because of The Times (2007)

Because of The Times

Depois de 3 anos de espera, este se tornou um álbum muito aguardado pelos fãs. Liderou por várias semanas as paradas na Inglaterra e chegou ao 25º lugar nos Estados Unidos, fato importante para uma banda que fazia mais sucesso fora de casa do que em seu país natal. O nome do CD é uma alusão a uma conferência americana de bispos e pastores protestantes que os três irmãos frequentavam todos os anos quando crianças.

Vale o play: “On Call”, “McFearless”, “Ragoo”

Only by the Night (2008)

Only by the Night

Este foi o álbum que alavancou a banda de uma vez por todas. Only by the Night foi sucesso de vendas no mundo todo e, finalmente, conquistou o público americano. Foi indicado a 4 prêmios no 52º Grammy Awards e ganhou 3, incluindo a melhor canção de Rock do ano com “Use somebody”. Nessa época, a banda se tornou muito conhecida mundialmente e, inclusive, lançou seu primeiro DVD um ano depois.

Vale o play: “Sex on Fire”, “Use somebody”, “17”, “Closer”, “Manhattan”

Come Around Sundown (2010)

Come Around Sundown

Com o sucesso alcançado pela banda, este CD vendeu quase 200 mil cópias na primeira semana. De acordo com o próprio vocalista e guitarrista Caleb Followill, este CD teve influências de Nirvana e Pearl Jam, o que traria elementos grunges para o trabalho. O primeiro single, “Radioactive”, ditou o que poderíamos esperar deste trabalho: mais uma vez, um vocal inspirado, melodias características da banda e uma maturidade musical por parte de todos da banda.

Vale o play: “Radioactive”, “Beach Side”, “Birthday”, “Celebration”

Mechanical Bull (2013)

Mechanical Bull

Como já de costume, a banda lançou um single antes do CD. Neste caso, a canção escolhida foi “Supersoaker”, uma canção que lembrava muito o Strokes e o auge do indie rock no começo dos anos 2000. Por fim, o Mechanical Bull é um trabalho que contém muito essa característica indie, sobretudo pelos timbres de guitarras e pelas conduções da bateria.

Vale o play: “Supersoaker”, “Rock City”, “Temple”, “Family Tree”, “Work on me”

No dia 21 de Agosto a banda postou este teaser em suas redes sociais:

E em 22 de Setembro, conforme postado na página do Facebook da Rockcine, o Kings of Leon lançou o single Walls, que será a faixa título do novo projeto. Caleb Folowill, sobre as músicas do novo CD, afirmou para a Q Magazine: “[As músicas têm] um monte de coisas que as pessoas talvez não saquem, mas, se estudarem um pouco mais e souberem as histórias por trás delas, vão notar a sinceridade.”

Que venha o Walls!

Kings Of Leon

Você que gosta de rock e cinema, não deixe de conferir a loja da RockCine. Decoração para sua casa, quarto, cozinha, roupas e acessórios, combinando o rock e cinema no seu estilo e o estilo da sua casa. Acesse: www.rockcine.com.br

tela-rockcine-site

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s